terça-feira, 15 de novembro de 2016

Ministro José Serra veio à Cuiabá para a inauguração da "MT Escola de Teatro"

O projeto MT Escola de Teatro, que propõe ser um centro inovador na formação profissional das artes cênicas e aposta no poder transformador da arte e nas potencialidades da cultura como fonte de emprego e renda, inaugurada nesta segunda-feira, 14, conta com a expertise da SP Escola de Teatro, parceira do Cena Onze, vencedor do Edital de 2015. A SP é considerada a maior escola de teatro da América Latina. Inspirada no modelo de escola livre da Inglaterra do século XIX, a instituição é gerida pela Associação dos Artistas Amigos da Praça e pensa na formação a partir da prática, de forma modular e não cumulativa. 

A MT Escola de Teatro foi inaugurada em solenidade realizada no Cine Teatro Cuiabá, com a presença do governador Pedro Taques, do ator, dramaturgo e diretor da SP Escola de Teatro, Ivam Cabral, e o coordenador de projetos internacionais da SP Escola de Teatro, Marcio Aquiles e ministro de estado. 

A criação da Escola de Teatro como parte integrante das ações do Cine Teatro foi incluída pela SEC no último edital de gestão compartilhada do espaço. A proposta vencedora uniu a tradição do Cena Onze, uma das mais antigas e respeitadas companhias teatrais de Mato Grosso, com a SP Escola de Teatro, que criou e gerencia a maior escola de teatro da América Latina. O diretor da escola, Ivam Cabral e o diretor executivo, Marcio Aquiles também participam da solenidade de abertura da MT Escola de Teatro. 

Os cursos, voltados a alunos de todo o Estado, terão foco na formação técnica e profissional e serão certificados. Os gestores da cultura em Mato Grosso acreditam ser urgente necessidade de formação técnica tanto para atores e diretores, como para produtores, cenógrafos, iluminadores, sonoplastas e outras áreas de atuação que podem absorvidas por outros segmentos culturais como o audiovisual e pela indústria do turismo. 

Segundo o secretário Leandro Carvalho, a criação de Escola Estadual de Teatro em Mato Grosso, pública, continuada, com professores capacitados e metodologia avançada, é um sonho antigo da comunidade teatral mato-grossense. A MT Escola de Teatro terá o grande desafio de formar profissionais para um mercado cada vez mais exigente e promover as transformações estruturantes que integram a política pública proposta do atual Governo. 

Os cursos e professores - Os alunos mato-grossenses terão acesso gratuito a cursos de atuação, cenografia, figurino, direção, dramaturgia, iluminação, sonoplastia e produção cultural na escola sediada no Cine Teatro. Além dos cursos de longa duração (dois anos) a Escola oferecerá cursos de média e curta duração com alguns dos principais nomes do teatro mato-grossense e Nacional. Já estão confirmados como professores, Justino Astrevo, Luiz Marchetti, Sandro Lucose, Luiz Carlos Ribeiro, Ivan Belém, André de Lucca, Maurício Ricardo e Juliana Capilé, entre outros. 

Ao total, serão disponibilizadas 50 vagas para os cursos de formação e os interessados poderão se inscrever gratuitamente no processo seletivo até o dia 24 de novembro. A ficha de inscrição e edital serão disponibilizados no site da Secretaria de Estado de Cultura (SEC). 

- Fonte: Diário de Cuiabá - 

0 comentários: