sexta-feira, 6 de julho de 2012

Secretaria de Educação de Cuiabá ganha espaço de cultura e lazer

Um espaço dedicado à cultura, lazer e entretenimento será inaugurado nesta quinta-feira (05-07), às 8h30, na Secretaria Municipal de Educação de Cuiabá (SME), por meio do projeto “Mais Saberes – Biblioteca Consciente”, coordenado pelas bibliotecas Saber com Sabor.
Destinado, a princípio, aos funcionários da Secretaria, diretores, coordenadores pedagógicos e professores da rede, o projeto também atenderá toda a comunidade por meio de empréstimos de livros de diversos gêneros, como literatura, histórias em quadrinho e conhecimentos gerais.
O propósito da iniciativa é o desenvolvimento dos saberes, arte, cultura e entretenimento por meio da leitura.
Segundo a coordenadora das bibliotecas Saber com Sabor, Edvair Pereira Alves, o sistema de empréstimo não terá regras. “Qualquer pessoa pode pegar o livro, levar para casa e, quando terminar de ler, devolve. Não haverá cadastro porque, como o próprio nome do projeto diz, queremos trabalhar com a consciência das pessoas. Dessa forma, a leitura deve ser democratizada. Se eu pego o livro e não devolvo, não dou a oportunidade a outros de lerem”, explica.
O acervo do “ponto da leitura”, como está sendo denominado o espaço, que ficará no saguão de entrada da secretaria, conta com cerca de 200 livros doados pela comunidade.
Exposição de Lançamento
O lançamento do projeto também contará com a exposição de livros de diversos autores mato-grossenses, como Dalva de Barros, Moisés Martins e Beto Maia.
Na oportunidade, o escritor e ator Ivan Belém fará uma manhã de autógrafo no lançamento do livro Baía de Chocororé.
A Biblioteca
A primeira unidade da biblioteca Saber com Sabor foi a Clóvis Cardozo, inaugurada em 2001 pela prefeitura de Cuiabá. Outros seis bairros da capital (Santa Isabel, Pedregal, Dom Aquino, Pedra 90, Cidade Verde e Osmar Cabral) também contam com a bilbioteca, gerenciadas e mantidas pela SME. Além do ônibus itinerante, que circula pelas diversas regiões cidade.
Atualmente, as unidades, que são mantidas pela prefeitura de Cuiabá, contam com terminais de acesso à internet e algumas já estão climatizadas. O acervo chega a 58 mil livros nas áreas de literatura infantil, infanto-juvenil, mato-grossense, clássica e estrangeira, além de revistas, gibis, livros didáticos e dicionários.
- Secom, Cuiabá, 04/07/12 -

0 comentários: